Mix de Sexta

Quase todo mundo já fez algum quiz uma vez na vida, não é verdade? Às vezes para passar o tempo ou por mania ou ainda por curiosidade. O último quiz que fiz se encaixa na última. Acessando o Viagem Literária me deparei com o teste Que livro nacional você é? Quem que gosta de livros não gostaria de saber qual livro seria? Eu não sou essa pessoa e fui correndo fazer o teste para ver meu resultado. Gente, sou dois livros!

Meu Resultado:

  • "Memórias póstumas de Brás Cubas", de Machado de Assis

Ok, você não é exatamente uma pessoa fácil e otimista, mas muita gente te adora. É possível, aliás, que você marque a história de sua família, de seu bairro... Quem sabe até de sua cidade? Afinal, você consegue ser inteligente e perspicaz, mas nem por isso vira as costas para a popularidade - um talento raro. Claro que esse cinismo ácido que você teima em destilar afasta alguns, e os mais jovens nem sempre conseguem entendê-lo. Mas nada que seu carisma natural e dinamismo não compensem.


"Memórias póstumas de Brás Cubas" (1881) é considerado o divisor de águas entre os movimentos Romântico e Realista. Uma das expressões da genialidade de Machado de Assis (e de sua refinada ironia), há décadas tem sido leitura obrigatória na maior parte das escolas e costuma agradar aos alunos adolescentes. Já inspirou filme e peças de teatro. É, portanto, um caso de clássico capaz de conquistar leitores variados. Proezas de Machado.

  • "O alquimista", de Paulo Coelho

Há alguém no seu bairro, na sua empresa ou mesmo na região que não te conheça? Bem, podem não te conhecer pessoalmente, mas já ouviram falar de você com certeza. Popular e carismático, você está para as pessoas ao seu redor o que os best-sellers estão para os leitores: todo mundo conhece, a maioria gosta e/ou admira, mas alguns torcem o nariz devido ao seu excesso de popularidade, ou, é preciso dizer, de superficialidade mesmo. Afinal, essa personalidade que agrada a todos pode ter um quê de falta de personalidade, não é não? Bem, de toda forma, você não se importa com isso. O que importa é compartilhar a sua experiência de vida – mística ou não – e atrair admiradores.


"O alquimista" (1988) é, possivelmente, a mais conhecida das obras de Paulo Coelho, o mago das vendas em livrarias brasileiras e internacionais. Fenômeno de popularidade, já vendeu quase 38 milhões de cópias em todo o mundo e foi publicado em cerca de 140 países. E, claro, ocupa a cabeceira de muita gente em busca de autoconhecimento e entretenimento esotérico.

Não concordo com tudo, algumas coisas não batem, mas foi legal saber. Muitos leitores de blogs e blogueiros já fizeram o teste, mas se você ainda não fez clique aqui.

essasemana[3]

Meme semanal hospedado pelo Lost in Chick Lit, onde compartilhamos pequenas informações sobre a nossa semana literária. Tendo como principal objetivo encorajar a interação entre os blogs literários brasileiros, fazer amizades e conhecer um pouquinho mais sobre outras pessoas apaixonada por literatura. Tem interesse em participar? Saiba como aqui!

  • Leitura do momento:
    A Batalha do Apocalipse – Eduardo Spohr.
  • Li essa semana:
    A Batalha do Apocalipse.
  • Resenhei essa semana:
    Nada.
  • Super Posts:
    Novidades Literárias e Promoção!
  • Última Compra:
    Nada. Gente, já faz um mês que não compro livros. Já podem imaginar como estou, né? Coceira literária mais forte que nunca! Ainda bem que não fizeram nenhuma promoção irresistível. 
  • Desejo Comprar Urgentemente:
    PNTS 2 e Interligados.
  • Conversa imaginária com personagem fictício:
    Ablon, admiro você [2].
  • Eu falaria para o autor: 
    Eduardo, uau! 
  • Estado de Espírito Literário:
    Atento.
  • Literary Crush (paixão literária do momento): Ablon.
  • Feito da Semana: Tentar comer sushi pela primeira vez na vida e no dia que reolvo ir com os amigos é o único dia na semana que não aceitavam os nossos tickets de compra coletiva. ¬¬
  • Im in mood for... (gênero literário do momento):
    Fantasia, épico.
  • Hey Mr, Postman (última coisinha que chegou do correio):
    Marcadores da Lília, do Leituras e Fofuras!!! Finalmente recebi alguma coisa dos Correios. Não consegui bater foto, semana corrida.
  • Super Quote:
    Nenhum.
  • Vi e viciei (booktrailers, trailers, videos whatever):
    Não consigo pensar em nenhum, sorry!

Depois de semanas e semanas usando esmaltes com cores bem diferentes, esta semana decidi usar uma cor “normal”, um vermelhinho básico. Ultimamente não tenho gostado dos esmaltes da Risqué, parecem ralos, o que vocês acham. Minhas últimas compras foram de esmaltes Colorama e Impala. Mas tinha um vermelho chamando minha atenção entre tantos outros e foi, entre os cinco que coloquei na mesa, o que o meu marido achou mais bonito. Sempre faço isso quando estou em dúvida de qual cor colocar. Seleciono alguns e peço para ele escolher. Prático, rápido e fácil. E o escolhido da semana foi o Doce Orgulho da Risqué, da coleção 7 Vermelhos Capitais.

DSC02529 cópia  Não consegui bater foto mais uma vez das minhas unhas, então a foto é daqui.

Ah, não esqueçam de participar da promoção do Tudo O Que Me Interessa em parceria com o Costura Criativa. Concorra a um porta livro e um marcador de tecido, muito originais!!

Beijos! Um ótimo e maravilhoso fim de semana!!

Comente com o Facebook: