Meu livro favorito #2

*Coluna mensal em que escolho um tema e apresento meu livro preferido sobre.

Estava pensando nos livros que já li, principalmente naqueles de quando era criança. Os meus favoritos na época eram os gibis da Turma da Mônica, o terror da minha mãe, já que sempre que passávamos por uma banca eu queria mais uma revistinha. Mas eu lembro que lia bastante livros também, tinha um, que foi um dos primeiros, que tinha uma frase que ainda repito de zoeira hoje em dia: “te pego, te pico e te jogo no penico”.

No entanto, teve um em especial que me marcou na época da infância/pré-adolescência: Um bairro encantado, da Rosana Rios. Na pesquisa sobre o livro que me toquei que eu sigo ela no twitter. Incrível, né? Bem, eu li a obra de Rosana quando estava na sexta série, se não me engano, e tenho este livro até hoje em casa, foi um dos primeiros que minha irmã leu também, quando ela começou a se interessar por livros eu logo emprestei esse.1281791107_113881216_1-Fotos-de--Livro-Um-Bairro-Encantado-Rosana-Rios-1281791107

Sinopse:

No Bairro Encantado moram personagens de vários contos de fadas. Aladim,que vai ser pai pela primeira vez, dá uma festa para inaugurar seu novo palácio. Cinderela é convidada, mas não consegue encontrar seus sapatinhos de cristal. Com a ajuda de Sinbad, ela descobre que foram parar nas mãos do professor Museófilo e estão expostos em seu museu de coisas estranhas. Fonte: Skoob

O livro é fininho, tem 62 páginas, mas é muito gostoso de ler, principalmente na idade em que li pela primeira vez. Por que ele é meu favorito? Por ser um dos primeiros livros que li, o que tenho maior recordação, e por trazer esse universo de contos de fadas de uma forma diferente, mostrar o que ocorreu depois do tradicional Felizes para Sempre. Sem falar que traz isso de um jeito bastante engraçado.

Composto por 3 histórias, este livro traz os personagens dos contos de fada morando na mesma vizinhança e vivendo novas aventuras. Na primeira história Simbad, o Marujo, tenta descobrir quem roubou os sapatinhos de Cinderela. Na segunda o Gênio da Lâmpada de Aladim resolve mudar de emprego e tem como patrões o velho Gepeto e a princesa Rapunzel. Por fim, todos os personagens se encontram para uma grande festa: o aniversário de Branca de Neve. Mas ninguém sabe que a festa pode terminar mal, por causa de um convidado inesperado... Fonte: Site da autora

A capa de Um bairro encantado está de cara nova. A foto acima é da edição que tenho e tem uns bons aninhos, foi lançada em 1992. A nova capa é a que mostro abaixo, mais colorida.

8431_4 E vocês, qual livro foi marcante nesta época de suas vidas?

Beijos!

Comente com o Facebook: