[Assisti] Anjos da Lei

Anjos

Eu adoro assistir comédias, mesmo as mais bobonas, afinal, em algum momento elas conseguem me fazer rir e isso que importa. O trailer de Anjos da Lei veiculado no Telecine (foi a Super Estreia do dia 6) indicava um filme extremamente divertido, com aqueles toques de besteirol e situações inusitadas. Claro que eu queria conferir. E realmente gostei do resultado.

Jenko e Schmidt têm uma história antiga. Ambos estudaram no mesmo colégio no high school, e com certeza não se davam bem, pois eram o oposto um do outro. Jenko era atleta, superpopular, bem daquele tipo. Seu problema eram as notas baixas, que o deixaram fora do baile. Já Schmidt era gordinho, cdf, antissocial. E essas diferenças os distanciavam. O tempo passou e mais uma vez os dois se encontraram, desta vez na academia de polícia. O que tinha tudo para ser ruim, transformou-se em amizade e cumplicidade. Jenko tinha dificuldade com os estudos e Schmidt com as provas físicas, com a ajuda mútua, os dois se tornaram policiais.

Eles queriam aventura, prender criminosos, mas tudo o que conseguiram foi patrulhar um parque de bicicleta. Até que cruzaram com traficantes e efeturaram uma prisão bem desengonçada. Os caras nem disseram os direitos dos presos – porque nem sabiam decor – e como “punição” foram mandados para uma missão especial, na Jump Street. Lá eles descobriram que deveriam voltar para a escola – pois têm aparência jovem – e descobrir quem traficava a nova droga que havia matado um adolescente.

Schmitd estava apreensivo, seus tempos de escola não foram os melhores. E Jenko estava se achando o tal. Voltaria a ser popular. Munidos de novas identidades, eles começaram a aventura, que se mostrou totalmente diferente do que imaginavam. O mundo mudou e além das patotas clássicas, existem os grupos de vegetarianos, ambientalistas, etc e tal. Nesse novo meio, quem garantiu a popularidade foi Schmidt e Jenko ficou de lado. Ambos puderam sentir o gostinho do que o outro sentiu na época da escola. Claro, que tudo sempre regado a muita confusão.

Anjos 2

A dupla de protagonistas é muito boa. Channing Tatum interpretou super bem o musculoso meio burro e Jonah Hill também agradou muito, suas cenas são ótimas. Imaginem um policial com medo de atirar? Inseridos no meio escolar, os dois veem de novo como são diferentes, mas percebem que a amizade tem que estar acima de todas essas diferenças. Os vilões são engraçados, os policiais são engraçados e até quem não tem nada a ver com esse meio consegue ser engraçado. Principalmente os pais de Schmidt.

Claro que o filme não é uma obra prima, tem seus defeitos, mas o que importa pra mim é a diversão, mesmo que eu esperasse rir um pouco mais, o resultado foi bem satisfatório. Tem até Johnny Depp fazendo uma ponta. Achei interessante que não tiveram cenas absurdas ou abusivas de sexo e nudez, teve uma só que me lembro, mas super rápida e nem envolvia os protagonistas.

837048 - 21 Jump Street

Enfim, sem muitas delongas, o filme me agradou e até já revi algumas partes quando reprisou. Com certeza ele não é para todo tipo de humor, mas quem souber deixar levar e quiser se divertir, vale a pena conferir. Afinal, acima de tudo, tem o Channing Tatum. =p

Anjos4

Curiosidades

  • 21 Jump Street era o título original do seriado de televisão Anjos da Lei, exibido na tv aberta de 1987 a 1991, conhecido por ter sido estrelado pelo então jovem e desconhecido Johnny Depp;
  • As atrizes Jennifer Lawrence, Juno Temple e Gemma Ward chegaram a fazer testes para pegar um papel no filme, mas não deu certo;
  • A atriz Emma Stone chegou a ter um papel definido, mas teve que pular fora devido aos o compromissos assumidos com The Amazing Spider-Man (2012);
  • O ator Jonah Hill, além de trabalhar no filme como um dos protagonistas, escreveu o roteiro e criou uma participação especial para Johnny Depp;
  • Michael Bacall é mais atuante como ator, mas neste filme ele trabalhou como roteirista ao lado de Jonah Hill. Ele ficou mais conhecido na função depois de seu trabalho no moderno Scott Pilgrim Contra o Mundo;
  • Filmado inteiramente em New Orleans, no estado de Louisiana, nos Estados Unidos;
  • Dirigido pela mesma dupla da animação Tá Chovendo Hambúrguer;
  • No Filmow vocês podem conferir as informações sobre o filme e a opinião de outras pessoas que já assistiram;
  • E no Adoro Cinema, podem conferir a crítica de Bruno Carmelo.

Beijos e uma ótima quarta-feira.

Comente com o Facebook: