Estrela Píer – Kamila Denlescki

Estrela_pier

*Excepcionalmente hoje não publicarei sobre filmes.

Há tempos que essa capa me deixava curiosa. Apesar de não ser das mais lindas. Então, bisbilhotando a blogosfera, encontrei um book tour do livro, me inscrevi e graças à Luana do blog Partes de um Diário, consegui finalmente conhecer Estrela Píer – O tempo, a chuva, o outro. Ele chegou um dia antes de eu terminar Uma crença silenciosa em anjos e bem no fim de semana que seria um dos mais corridos deste início de ano. Mas consegui terminá-lo a tempo.

Kamila Deslescki criou uma estória bem maluca e digna de filmes de ficção científica, mas que não deixa de ser interessante. Lucia Píer Eli é uma bibliotecária de uma escola de São Paulo, tem 18 anos, mora com a avó e com uma irmã mais nova adotiva. Seus pais vivem viajando o mundo, sempre longe, sempre fazendo falta, apesar de Marisa, a avó, estar presente. Lucia nunca namorou e nem se sentiu apaixonada por nenhum garoto. Suas paixões são os livros e um certo ator de cinema inglês, que mexe com ela de forma inexplicável.

Por um toque do destino, ou sei lá o que, Lucia é sorteada para fazer uma viagem à Londres e ter um jantar com o tal ator, Richard Clevehouse. E é ao pisar em solo inglês que tudo vira de cabeça para baixo. Perseguições, mentiras, fugas alucinantes, conspirações e muita coisa surreal são os ingredientes desse romance.

Devo confessar que Lucia muitas vezes me dava nos nervos com suas atitudes infantis e sua teimosia. Está bem longe de ser forte como passou ser no início. Já Richard suspira é tão forte quanto o imaginado, mas um pouco apaixonado demais – não que isso seja um defeito. Pintado como vilão, não é assim que aparece para nossos olhos, pelo menos para o meu. Torci muito por ele, alguns vilões fazem isso com a gente.

Os personagens secundários também são incríveis e cheios de simpatia. Robert, o amigo fiel de Rick, é cheio de qualidades, ser engraçado é uma das principais. Marisa e Lara, a avó e a irmã de Lucia, também têm seu destaque.

Achei que a estória teve alguns furos, mas no geral gostei bastante do livro e de conhecer mais uma autora nacional de talento. Adorei o prólogo para quem gosta de finais misteriosos. E depois de lê-lo fico contente em saber que haverá uma continuação, mas triste por não haver uma data prevista para o lançamento.

Ah, se por acaso você tiver um sinal de nascença que seja idêntico a uma estrela, fique de olhos bem abertos.

Beijos e uma ótima quarta!

desafiodeferiasbannerv23 estrelapierthumb3

Comente com o Facebook: