Em breve na minha watchlist #3

Certo, eu confesso que ainda não assisti duas das séries que coloquei nas seções anteriores, mas como com os livros eu tenho a lista de espera, com as séries resolvi fazer a mesma coisa. Então as duas séries que protagonizam o post de hoje estão nessa lista de espera e assim que surgir uma brechinha – provavelmente só depois da fall season – quero assistir.

  • Bones

A Luciana Mara sempre fala bem da série e disse recentemente que ela é uma de suas queridinhas, então já é motivo para chamar minha atenção. Sem falar que ninguém mais, ninguém menos que David Boreanaz está na série e adoro ele desde Angel. Sem dúvidas é uma das séries que quero começar a assistir.

bones

Bones combina humor e emoção mostrando o que se esconde por trás dos crimes mais aterrorizantes. No centro da trama está a Dra. Temperance Brennan (Emily Deschanel), uma excelente antropóloga forense que nas horas livres escreve romances. Ela é geralmente chamada pela policía quando o método padrão de identificação das vítimas não é suficiente. Sua habilidade para decifrar os mistérios ocultos nos corpos da vítima é única. Brennan geralmente trabalha com Seeley Booth (David Boreanaz), um agente da Unidade de Investigação de Homicídios do FBI. Booth não acredita na ciência e nos cientistas. Segundo ele, a chave para a solução dos crimes está em uma investigação à moda antiga, junto aos que ainda estão vivos, sejam eles suspeitos ou testemunhas. Com isso, Brennan e Booth frequentemente entram em choque, tanto no campo profissional como no âmbito pessoal.

A 7ª temporada – muita coisa para assistir - da série estreia no dia 03 de novembro.

  • Dexter

Há tempos estou de olho nessa série, até tenho um ou dois episódios baixados, mas nunca me lembro – ou tenho tempo extra suficiente – para assisti-la. Tenho muito mais vontade de assistir por causa da Bruna, que vive elogiando.

dexter

Baseado na obra de Jeff Lindsay, Darkly Dreaming Dexter, a série tem como protagonista um especialista forense em amostras de sangue, que trabalha para o Departamento de Polícia de Miami. Ele também é um assassino serial que mata as pessoas que a polícia não consegue prender. A identidade dupla tem de ser escondida de todos, incluindo sua irmã, namorada e companheiros de trabalho.
Na infância, órfão aos quatro anos, Dexter é adotado por um policial que logo detecta sua tendência homicida. Com isso, consegue canalizar todo o fascínio de Dexter por vivisecção de seres vivos para algo que ele acredita ser “do bem”: caçar os infratores da lei que estão acima da justiça e que acham brechas da lei para praticar crimes.
Dexter, que tem essa tendência por causa de um trauma na infância, consegue ser um sujeito muito educado, carismático, respeitado pelo departamento de polícia e que adora crianças. Mas ele se esforça para ter sentimentos que não consegue ter, para manter a aparência de um ser humano “normal”.

 

A série tem cinco temporadas veiculadas e a sexta estreia no próximo dia 2.

Episódios assistidos

  • Drop Dead Diva: Bride-a-Palooza ♥♥♥ (Estou mega decepcionada com Stacy, demais mesmo. E estou amando o juiz, torcendo muito por ele.)
  • House, M.D.: Moving On ♥♥♥ (Uma dose extra de House nunca é demais e nossa, como eu estava com saudades dele.)
  • The Lying Game: Bad Boys Break Hearts ♥♥♥ (Negócio ficou quente! Ansiosa pelo novo episódio.)
  • Parenthood: I Don't Want to Do This Without You ♥♥♥ (Mais personagens que estava morrendo de saudades. Dó do Adam, amo o personagem.)
  • Glee: The Purple Piano Project ♥♥ (Para uma volta de “férias” o episódio foi fraquinho.)
  • Castle: Rise ♥♥♥ (Ótima volta, mas Beckett soube me irritar.)
  • How I Met Your Mother: The Best Man e The Naked Truth ♥♥♥ (Gente, matei tanta saudade essa semana que estou radiante. Esses cinco são meus xodós. Amei os episódios.)

Beijos e uma semana maravilhosa!

Comente com o Facebook: