[Filme] A família Bélier

Amo filmes, isso não é novidade. Amo mais ainda quando ele cai no meu colo do nada e surpreende, despertando diferentes emoções – ou risadas -, dependendo do gênero. Em um sábado qualquer, o maridão encontrou este filme passando e decidimos assistir, que bom que fizemos isso. A família Bélier é uma produção francesa, de 2014. Tocante ao extremo, pelo trailer já se percebe e beleza do filme.


Paula é uma adolescente com uma bela voz e um desejo de mudança, lida com todos os problemas comuns da idade (paqueras, escola, desentendimento com os pais) e é uma filha exemplar. Trabalha com os pais na fazenda, ajuda o irmão como pode. Paula tem uma família diferente, seus pais e irmão são surdos-mudos, o que faz dela ainda mais importante. É a garota que administra a fazenda, conversa com vizinhos e ajuda nas vendas dos produtos feitos por eles.


Até que um professor novo chega na escola e descobre seu talento para cantar. Ele propõe que ela se inscreva em uma escola prestigiada em Paris, significando que precisa deixar sua família. A decisão, que pode mudar seu futuro, também pode destruir sua relação com os pais. Paula fica dividida e o fato de seus pais não a entenderem, complica sua situação. Eles não compreendem como a música pode ser tão importante para ela. Em conflito, ela precisa decidir antes do prazo final, tentando fazer com que a música toque também seus pais.
O filme é lindo, de uma beleza ímpar. Sem contar que é cheio de cenas cômicas, bem trabalhadas. É emocionante. Você precisa assistir já, logo, não pode perder. Para quem assina Telecine, o filme reprisa no dia 12/07 (15h55), 14/07 (10h35), 24/07 (14h) e 27/07 (09h15).


O diretor Eric Lartigau fez um belo trabalho ao retratar a deficiência auditiva da família de Paula, interpretada por Louane Emera, que curiosamente, foi finalista do The Voice francês em 2012. O filme não é cheio de cenas mirabolantes, é simples e tocante. Assista!!

Faz um tempo que assisti, mas relembrei da produção por causa da minha atual leitura, que tem traços semelhantes. Recomendo (caso ainda não tenha ficado claro nas linhas anteriores).



PS: Indiquei para amigos e o retorno é positivo:


Comente com o Facebook: