Meu pai fala cada m*rda

capa 14x21 aberta.indd

Pais são complicados. Hora diferentes e hora completamente iguais. Mas se tem um pai que é único é Sam Halpern. Dotado de um mau-humor incrível, seco, às vezes até grosso, porém sempre verdadeiro no que diz, é uma mistura que resultou em um homem de quem grande parte das pessoas tem medo, principalmente seu filho mais novo, Justin.

Desde que nasceu Justin é alvo das frases ácidas do pai, o que o fez ter certa aflição quando precisou de um favor dele anos mais tarde. Explico: Justin tinha uma namorada, uma casa e um emprego. Mas em questão de horas tudo o que lhe restou foi o emprego. Como? Bem, um cara apaixonado, namorando há certo tempo, viu na oferta de uma vaga melhor de emprego a oportunidade de morar na mesma cidade que sua amada, junto com ela, e sem nem pesar e pensar entregou seu apartamento e se jogou para San Diego dar a maravilhosa notícia para a garota. O que ele sequer esperava era que ela desse um pé na bunda dele e ele se visse sem ter para onde ir. Para onde ir ele tinha, mas não era o melhor lugar do mundo no momento, aos 28 anos: a casa de seus pais.

Mal sabia a ex-namorada que sua ação resultaria no futuro de sucesso de Justin. Pois é, morando com o pai, Justin se viu mais uma vez alvo e ouvinte das célebres frases de Sam. A grande maioria incrivelmente hilária, então, a cada dia ele atualizava a mensagem do “MSN” com uma dessas frases. Um amigo que se esbaldava com o que lia o aconselhou a criar um perfil no twitter para que as citações fossem divulgadas para um número maior de pessoas. E depois daí foi sucesso certo.

Na primeira semana, eu só tinha um punhado de seguidores – alguns amigos que conheciam meu pai e o consideravam uma figuraça. Então, um dia, acordei e descobri que mil pessoas estavam me seguindo on-line. No dia seguinte, eram 10 mil. Depois, 50 mil. E logo, 100, 200, 300 mil, até que de repente, uma foto do meu pai e suas citações pipocavam por toda a parte. [...] Meu primeiro pensamento foi: ‘Isso vai dar merda.’

O livro é garantia de boas risadas, mas não espere uma história em ordem cronológica, contando tintim por tintim. A obra é um apanhando das melhores e mais engraçadas situações e frases de Sam. Os títulos de seus capítulos curtos nos dão uma dica do que pode vir, algo como: Não seja um maldito mentiroso ou Concentre-se em viver, morrer é a parte fácil, ou ainda, Você precisa acreditar que vale alguma coisa. E os títulos sempre vêm com uma frase de efeito de Sam logo abaixo. Algo que achei muito legal também foi que no fim de cada capítulo tem uma coletânea de frases em que raramente pode se conter o riso.

meanddadbaseball-LST074329

Sobre o primeiro baile da escola

Você está usando perfume? ... Filho não existe perfume algum nesta casa a não ser o da sua mãe. Conheço esse perfume e é muito esquisito sentir o cheiro da sua mulher no seu filho de 13 anos.

Sobre tobogãs aquáticos

Pode ir em frente. Prefiro não ser lançado de tubo numa piscina de mijo de um bando de crianças de nove anos.

Sobre se sentir à vontade consigo mesmo

A casa é minha. Uso roupas quando quiser e fico nu quando quiser. O fato de seus amigos estarem para chegar não tem nada a ver com isso – ou seja, estou cagando.

Sobre comprar um cachorro

Quem vai tomar conta? Você?... Filho, você entrou em casa ontem com cocô nas mãos. Cocô humano. Não sei como isso aconteceu, mas, se alguém tem cocô nas próprias mãos, isso é um indício de que talvez essa pessoa não esteja preparada para assumir responsabilidades.

E por aí vai. Então, se você está precisando de umas boas risadas se jogue neste livro e conheça o pai mais famosos da twitosfera.

Observação: O twitter que virou livro, também virou série de TV e eu já comentei sobre ela aqui, aproveite e conheça.

Beijos e uma ótima quinta-feira. Friday vem aí! =p

Comente com o Facebook: