TOP Piriguetagem Literária 2011

É, pessoal. Essa vida de Piriguete Literária não é fácil. São tantas paixões, suspiros e batidas aceleradas no coração, que não há como manter o fôlego. A Nanda, no último sábado, confessou a condição dela de Piriguete e listou seu top 10, ainda convidou para fazer o mesmo e cá estou eu . Parafraseando a Nanda “ano que vem muitas paixões novas me esperam, tenho certeza!”.

Selo Piriguete literária Para quem não conhece o termo citado acima, basta dar uma olhadinha no  TOC Livros, o conceito foi criado pela Luciana Mara:

“De acordo com o dicionário Aureliânus sofre de piriguetismo literário aquele(a) que troca de paixão platônica fictícia toda semana, e usa a expressão 'é meu' quando descreve algum personagem. Este tipo de piriguete usa ou usará óculos e sente frio (característica principal que a diferencia das outras espécies).”

Como o Top é de 2011, o certo seria selecionar apenas personagens das leituras deste ano, mas terei que recorrer a dois personagens do passado, já que li muitos livros em que os personagens principais são muito novos. Vamos à lista!

10) Dimitri Belikov da Academia de Vampiros

Apesar de a maioria das leitoras babarem e falarem muito bem de Dimitri, ele ainda não foi capaz de me fazer suspirar tanto, talvez porque eu só tenha lido o primeiro livro da série, portanto, espero muito mais dele nos próximos livros. Mas oh, a descrição da aparência dele é capaz de fazer babar instantaneamente.

9) Patch de Sussurro

O cara realmente tem seu charme. Misterioso, encantador e cheio de papo, Patch sabe como conquistar uma garota. Mas tem um passado misterioso e sujo. Sem contar que traz um passado e um presente sobrenatural. Preciso ler Crescendo.

8) Ben de Julieta Imortal

Ele é um fofo, ingênuo e doce. Apaixona-se por Julieta e faz de tudo para viver esse amor, até arrisca a própria vida. Ele é um mexicano que cruza o caminho da garota e a tira do perigo iminente. Um cavalheiro como os que estão escassos hoje em dia.

7) Luca  de Amores Incertos

Primeiro de tudo, ele é italiano! Já ganha uns pontos. Depois ele tem uma personalidade incrivelmente fácil de lidar e de se apaixonar. Apesar de ter sido um pouco insistente quando não deveria, fez meu coração balançar durante a leitura.

6) Étienne St. Clair de Anna e o beijo francês

Fofo. Seu cabelo, seu olhar, seu modo de falar, tudo em St. Clair se define com a palavra fofo. Ele me fez suspirar durante a leitura, mas também me fez querer dar uns sacudidões. Tem que ter mais atitude! Se bem que ele é novo, vai aprender. ;)

5) Logan Thibault de Um homem de sorte (resenha sai na quinta)

Um homem! Charmoso, ex-fuzileiro naval, atencioso, sabe falar na hora certa e um excelente ouvinte. Tudo o que uma mulher precisa, claro que ele também faz outras coisas muito bem. Ah, e ama cães! Taí, um homem perfeito.

4)Damon Salvatore de Diários do Vampiro

Certo, não li DV este ano, mas o Damon jamais poderia ficar de fora desta lista, né? Tudo bem que prefiro bem mais o Damon da série de TV do que o do livro, mas ele é fonte de piriguetagem total.

3) Joe Fontaine de O céu está em todo lugar

O que é este garoto? Músico exemplar, cheio de mel, derrete todas as garotas da escola, mas quer somente uma. Um doce de pessoa, impossível não piriguetear com ele, sério. Apesar de ter me tirado do sério algumas vezes com suas atitudes, Joe Fontaine foi um dos personagens que mais aqueceu meu coração este ano.

2) Cabel Strumheller de Wake, Fade e Gone

Um garoto solitário, com um passado conturbado, mas que cresceu e se tornou o menino mais gracinha que já li. Fiquei apaixonada e ponto. Com certeza é um personagem que deixou saudades. Aiai.

1) Edward Cullen de Crepúsculo e cia.

Tá, tá. Eu sei que ele é bem antigo, que já encheu, mas não consigo deixar de ser apaixonada por ele, por seu romantismo, sua paixão, suas palavras, etc. Ele fica em primeiro no meu coração.

E vocês, já têm seu Top 10 de 2011?

Beijos e uma ótima terça-feira.

Comente com o Facebook: